O chocalho curado


Por. Feitosa Colô.
O Chocalho curado

O homem do campo, o sertanejo propriamente dito, é aquele ser braçal de pele cor do bronze do metal que anuncia a res perdida na catinga. Forte e corajoso, grandezas diretamente proporcionais para lida diária com o gado, que começa na madrugada fria do sertão e termina com o gado no curral no final de uma tarde escaldante. O gado gordo, a vaca leiteira, a vaca amojada, os bezerros virando touro, esse é o encanto maior do vaqueiro encouraçado. Como todo ofício há suas dificuldades, a criação não foge a regra. As doenças acometem o gado que o emagrece, o homem ainda peleja, mas quando o bicho deita, há o risco eminente de uma perda. Há também o ataque de serpentes que também preocupa, pois dependendo da cobra o boi sucumbe em poucas horas. Em todos os casos há a experiência, como eles falam - Nós temos a ciência. A ciência do sertanejo é a fé, logo o vaqueiro manda chamar um experimentado rezador para salvar o animal acometido, e o animal se salva. Em outros casos, e o mais surpreendente é o uso do chocalho curado, que alguns criadores os tem em suas propriedades.
O chocalho curado consiste em um simples e comum chocalho de boi que foi preparado com rezas fortes, sendo muito especial por ter pertencido a um rezador que curava qualquer moléstia do animal apenas pendurando o referido objeto no pescoço do animal. Não há necessidade do rezador ir até o local onde se encontra o bicho enfermo, basta levar o apetrecho e pendurar no animal, logo, o animal se recupera ficando sã.
A cultura sertaneja é fantástica, e este da foto pertence ao senhor Chico Cirilo em Caririaçu, que esporadicamente é requisitado para salvar algum animal em perigo de morte, logo vai o chocalho para salvar animal do fim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

HISTÓRIA DO CEARÁ- AS PRINCIPAIS TRIBOS INDÍGENAS

CORDEL - O QUE SÃO SEXTILHAS

ORIGEM DA FAMÍLIA PINHO NO BRASIL